NOSSO TRABALHO

Orientação Profissional

Nosso trabalho se resume em 10 sessões, voltadas exclusivamente para o enfoque profissional. O primeiro encontro é com a Familia, onde dectamos a sua influência em relação ao que pensa o jovem sobre sua futura profissão,realizando, em conjunto, o Genograma Profissional. Em seguida seguem-se as sessões individuais de autoconhecimento, onde o jovem se pergunta quem é e o que almeja para seu futuro. As penúltimas sessões são de pesquisa das profissões da área de seu maior interesse profissional. A decisão sobre a escolha do curso profissional que deseja realizar, no momento, é o objetivo principal deste processo de Orientação Vocacional/Profissional. O último encontro é de devolução aos pais, onde o jovem apresenta seu projeto de vida, que inclui, a profissão, o hobby e o lazer. As orientadoras apresentam seu relatório do processo de Orientação Profissional. São utilizados exercícios vivenciais, dinâmicas voltadas para a escolha, jogos e testes vocacionais. Os referenciais teóricos que embasam este trabalho são: Psicanálise, Teoria Sistêmica, Epistemologia Convergente e Psicodrama. Acreditamos que o jovem quando tem a oportunidade de descobrir seus interesses e chegar a uma decisão autônoma de seu projeto de futuro, será mais realizado e feliz.

 

Reorientação de Carreira

A reorientação profissional é uma necessidade, pois atualmente as pessoas estão se aposentando ainda jovens e com saúde. Dentro da reorientação profissional que realizamos, o trabalho deve ser voltado para a pessoa descobrir, no momento presente, através do autoconhecimento, qual o seu talento nato e o que desenvolveu ao longo de sua experiência profissional. Cada vez mais as pessoas buscam aliar prazer com trabalho.Hoje, há necessidade de profissionais flexíveis, com várias formações e experiências anteriores e novas escolhas de acordo com cada etapa de vida. A mudança de projeto de vida muitas vezes é necessária, onde a escolha de um novo trabalho, de uma nova profissão precisa acontecer. É um grande desafio para este adulto sair de uma zona de conforto e ousar um trabalho diferente, que atenda às suas necessidades atuais, que além da aposentadoria, pode estar vivendo uma separação, um recasamento, a viuvez, o desemprego ou apenas uma vontade de mudança de vida.

TRABALHOS REALIZADOS EM CONGRESSOS

 

 

1- "COMO EU FAÇO ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL"

 

- III Congresso Latino Americano de Orientação Profissional

- X Simpósio Brasileiro de Orientação Vocacional e Ocupacional

- I Fórum de pesquisa em Orientação Profissional e de Carreira

- Universidade de São Paulo, Junho/2011

 

 

2- "A IMPORTÂNCIA DA FAMÍLIA NA ESCOLHA PROFISSIONAL"

 

- XI Simpósio de Terapia Familiar Sistêmica do Rio de Janeiro

- VIII Simpósio Internacional de Terapia Familiar Sistêmica

- Colégio Brasileiro de Cirurgiões, Outubro/2011